domingo, 18 de outubro de 2009

Ser "nerd" ou não ser?

Meus amigos me rotulam como "nerd".
Seria essa a palavra correta para definir uma pessoa,
que não gosta de ir para as "baladas"?

Seria essa a definição exata que corresponde um indivíduo,
que prefere passar o final de semana estudando ao invés de "curtir a night"?
Vai saber.

Questiono sobre essa expressão: "curtir a night".
Curtir o quê?
Curtir sua vida passando, você se deixando levar pelas atitudes e pensamentos dos outros e aceitando a visão que o mundo lhe estabelece?

Já parou para pensar que sua vida está passando, o tempo que você está desperdiçando lendo as transcrições de meus pensamentos, não voltará jamais?
A vida é feita de escolhas. E são essas escolhas que definem quem somos.
Seria a escolha certa, para você, perder seu tempo lendo isto?
Eu fiz minhas escolhas.

Se ser nerd é ser diferente das pessoas que se deixam levar pela sociedade em que vivem: "Yes, i'm."

Já dizia Raul Seixas: "Eu prefiro ser essa metamorfose ambulante, do que ter aquela velha opinião formada sobre tudo".
Comparando a frase acima, o que me diferencia, é que não sou ambulante.
Não saio do "ninho".

Certo dia, ao ser "zoado" por um de meus (?) amigos, questionei-o sobre o que eu estaria perdendo por não sair para "curtir".
A resposta foi:
"Você está perdendo de dançar, curtir com os amigos e pegar mulherada top".

Convido-te abrir sua mente por apenas alguns minutos (não vai doer, prometo)
e ser realista.

Cerca de 99% das pessoas que vão para as baladas, não vão para dançar.
Pode acreditar.
Apenas (?) dançam pois precisam dessas "danças e passinhos de acasalamento",
para atrair (chamar atenção/despertar interesse) o sexo oposto (ou não).

Curtir com os amigos?
Um momento.

Deixe-me refletir mais uma vez.
Agora sim.

Não. Ninguém vai para balada pra curtir com os amigos.
Vão por causa da pressão social mesmo. Se eles vão, tenho que ir.
É como aquela expressão popular: "Aonde a vaca vai, o boi vai atrás".

A vaca que me refiro é o (?) líder da turma.
Mas conhecido como o "mané" (coincidência hein Mané?!).
Aquele que vai, porque quer impressionar os amigos. Isso mesmo.
Quer beber todas para mostrar que é "machão" (que aguenta tudo).
Quer beijar todas as garotinhas (desde que os amigos estejam perto).
Exemplificando, é um "Stifler" (para quem não assistiu o filme American Pie, fica a dica).

Não vejo como é possível "curtir com os amigos" numa balada.
Se é que esse curtir, está associado ao que imagino.
Sejamos novamente realistas.

Você chega numa balada. Qual a primeira coisa que faz?
Isso mesmo, ir ao banheiro. Para que?
Verificar como está a sua aparência.
Checa se seu cabelo está ainda daquele jeito (caso o vento/chuva tenha danificado a escova/chapinha).
Dá as últimas retocadas e vai comprar sua bebida.
Após estar municiado com seu copo (repare que 90% das pessoas ficam com o mesmo copo até o final da festa), voltam para a rodinha onde seus amigos se encontram.

Agora, prontos para a "guerra", começam os rituais.
Na rodinha, os homens estufam o peito (like Johnny Bravo) e proseiam sobre dinheiro, mulher e contam vantagens (quase berrando) para atrair as fêmeas.

O tempo passa, começam a se contorcerem (o que eles chamam de dançar)
e está iniciado o ritual de acasalamento.

Enquanto isso, estou aqui em casa (?) estudando.
Sim, eu sou um "nerd" (já disse).

Finalizando com o terceiro argumento: "pegar a mulherada top".

Então para conquistar/ganhar um beijo de uma garota (ou ir mais além)
precisa passar por todo esse processo?
Para mim, não.

Não são suas atitudes que despertam o interesse alheio
(pelo menos, com pessoas decentes).
E sim, suas idéias.

Além do que, não deixo a cabeça de baixo, controlar a de cima (se é que me entendem).

É, eu sou um nerd mesmo.
Ao invés de estar "curtindo" o sábado, estou aqui escrevendo esse texto.
Horário? 04:35 am

Good night
and good luck.

7 comentários:

Iara Siqueira disse...

Claro que você é muito exagerado ,não é pra tanto , mas algumas coisas são verdades ... !!!!
Anda citando até o Raul Seixas ,ô quem diria !
E falando até sobre o Dimizão hehehe .
Enfim ,gostei do seu texto ,criativo !!

Renan Barbosa disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Dimitri Leone disse...

@ Renan Barbosa:
Legal você ter citado Arnaldo Jabor...
...mas, o que o "cú tem a ver com a calça"?

Não estou questionando você ter falado "discordo de você".
Ainda bem que você discorda.
Já dizia Vinicius de Moraes: "Imagina se todo mundo compartilhasse da mesma opinião, o que seria da cor amarela?"

Você começa citando os padrões sociais, alegando que os mesmos transformam as pessoas em robôs (sem opinião).
Depois apresenta a solução para isso, que é ir contra as regras.

Em seguida, totalmente desconexo, cita um texto do Arnaldo, que não condiz com o assunto tratado em meu texto.

Não estou dizendo que o texto de Arnaldo não condiz com a verdade. Para mim, esse texto faz jus (em parte) aos meus pensamentos.
Mas não caberia citá-lo aqui.
Pelo menos, não nesse post.

Não é disso que o post está falando.

joellacerda77 disse...

TENHO SO 7 CRITICAS...

1°. seus amigos nao t chamam de NERD.. vc se rotula nerd pq acha legal usar oculos e ficar jogando PC... (mas como vc disse... o mundo e feito de escolhas)... nos, seus amigos, te chamamos de EMO...

2°. "Chegar na balada e ir direto no banheiro ver a aparencia"... so conheço duas pessoas que fazem isso... o Matheus e Você (que ainda vai ver se ta legal o posicionamento da TOCA)...

3°. "Raul Seixas"... a partir do momento q vc faz faculdade, utiliza computadores, net paga, tv a cabo, etc... vc se assume estar aceitando as influencias sociais, ou seja, voce esta MTOOO longe de ser uma metamorfose ambulante.

4°. de onde vc tirou as estatisticas de 90% nao dançam na balada e etc??? vc nem vai na balada pra saber... dançamos sim, o ritual de acasalamento nao tem haver com a dança... (exceto no caso do mané HAUAHuaH)...
pegar mulherada e bom... todo homem q nasce com a quantidade certa de hormonios sabe disso.. mas temos la suas excessoes...

5°. CURTIR com os amigos SIM senhor... dar mta risada... deixar acontecer situaçoes inusitadas q ficam para boas e otimas historias... como vc disse.. a vida ta passando.. entao e melhor botar na pista do que ficar fazendo textos criticando detalhes q nao sao de conhecimento especifico assimilado por quem escreve.
No meu conceito, nao quero ser um velhinho q pensa "tanta coisa eu poderia ter feito e nao fiz"... quero sim ser um velho q vai dizer "puta merda.. fiz ate o q nao devia.. vivi com mta intensidade.."

6°. NERD = CDF = Kra que gosta de estudar, mas nem por isso precisa de deixar curtir a vida...

7°. Seu texto nao refletiu sobre o q é ser NERD, so demonstrou que vc se encontra num estado psicologicamente abalado e desesperador. Ao meu ver vc precisa de um pouco mais de cerveja e mulheres! :D

Dimitri Leone disse...

@ Joel Lacerda:

1º: Se você não me chama de "nerd", não fale pelos outros.

2º: Você só conhece duas. Mas o que está em questão não é quem você conhece, e sim, quem eu conheço. E cá entre nós, conheço vários, que até mesmo você os conhece.

3º: Se você sabe compreender um texto, soube ao que me referi com a frase de Raul. Não existe uma pessoa isenta de influências sociais. Até mesmo ele, por viver em uma socidade, estava adepto as influências sociais.

4º: Você está se contradizendo. No item 2, você citou que "eu" e o Matheus fazemos isso. Agora vem dizer que "você nem vai pra balada".

5º: Cada um tem seu conceito sobre como viver.

6º: Sim. Não entendi porque você discorda nisso. Eu não "deixo de curtir a vida". Mas, "curto" da maneira que julgo ser melhor para mim.

7º: Óbvio que não. Tanto que pelo título me referi: "Ser NERD ou não ser..."
Esse "nerd", que acentuei com aspas, está se referindo ao "nerd" que sou rotulado por amigos. Nao quis explicar "o que é ser nerd". E sim, fazer um comentário sobre o rótulo que é imposto á minha pessoa.

Joel disse...

A Falta de argumento agora te prejudicou hein amigo...

Eu vou pra balada sim, sempre... mas nao tenho necessidade feminina d ficar olhando no espelho, mto menos pra posicionar tokinha d lan...

Esse texto ae é apenas uma projeçao de uma pessoa frustrada...
Voce pega o que nao consegue ou tem medo de fazer, e coloca argumentos tentando se justificar... Querendo assim, nao ser totalmente excluso dos amigos....

Mas relaxa EMO, a gente te adora... bjos!

Dimitri Leone disse...

@Joel:
Uai, como assim?
Falta de argumento? Onde? Como? Quando? Porque?

Não sou uma pessoa frustada e sim, realista.
Como assim "não consigo ou tenho medo de fazer"?
Não entendi.
Logo em seguida você fala "...e coloca argumentos".
Está se contradizendo denovo.

Não quero ser totalmente excluso de amigos.
E sim, de baladas.

Emo é...

Postar um comentário